Capacidade instalada: Eólica obteve maior crescimento pelo quarto mês consecutivo

Image

A energia eólica se posiciona como a segunda maior fonte energética do Brasil, e vem crescendo a cada ano.

Segundo a agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL a expansão da geração de energia elétrica em 2021 alcançou em abril a marca de 1.007 megawatts (MW), com 324,45 MW liberados no último mês.

A fonte Eólica obteve um maior crescimento, pelo quarto mês consecutivo. As usinas movidas pela força do vento tiveram 218,45 MW de potência instalada, representando 67% do total em abril.

O levantamento mostra que a totalidade da expansão de geração eólica, cerca de 201 MW, foi liberada para usinas que não comercializaram no mercado regulado. Entretanto do total (812 MW) de eólicas liberadas neste ano, até abril, 555 MW correspondem a usinas nas mesmas condições, sendo 68,3% dessa quantidade.

De acordo com os dados em 2021, novas unidades de geração foram liberadas para operação comercial em 12 estados das cinco regiões brasileiras.

Três estados concentram 64,8% da capacidade instalada no país, o Piauí, com 190,35 MW, o Rio Grande do Norte, com 221,06 MW, e a Bahia, com 241,55 MW.
No primeiro período deste ano, houve um acréscimo de 44,26 MW de potência instalada no sistema isolado.

Energia eólica no Brasil

A energia eólica atingiu 18 GW de capacidade instalada no Brasil. Segundo dados de fevereiro de 2021 da ABEEólica mostram que o país já tem mais de 8.300 aerogeradores em 695 parques eólicos.

De acordo com a presidente da ABEEólica¸ há dez anos atrás em 2011, o setor tinha menos de de 1 GW de capacidade instalada, um grande crescimento comparado a atualmente. Ainda segundo a associação a energia Eólica já chegou a atender até 17% do País durante todo o dia.

A previsão é que até 2024, com os leilões já realizados, o setor chegue a cerca de 28 GW.

Estes são números que devem ser comemorados e podem ser ainda maiores, porque não captam completamente o bom desempenho do mercado livre, que vai se somando a esses valores conforme os novos contratos vão sendo fechados. E temos que lembrar que de 2018 a 2020 o ACL foi responsável por uma maior contratação que o ACR no caso de eólicas”, detalha Elbia, no site oficial da ABEEólica.

Fonte: Eólica BR
________________________________________________________________________________________________________________________________________________

FÓRUM GD SUDESTE - 9º FÓRUM DE GERAÇÃO DISTRIBUÍDA COM FONTES RENOVÁVEIS E ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA

SAVE THE DATE
16 e 17 DE JUNHO DE 2021
RIO DE JANEIRO - RJ - BRASIL

SITE OFICIAL: www.forumgdsudeste.com.br
E-MAIL: contato@grupofrg.com.br

Patrocinadores: ECORI / PHB SOLAR / CLAMPER / NEXEN / EDMOND / SICES SOLAR / SSM / L8 / JASOLAR / WDC / INOX PAR / WEG / GOODWE / EMBRASTEC / SUNGROW / INGETEAM / SOLIS INVERTERS / SOLAR EDGE / OPUS SOLAR / LONGI / AMPHENOL / NOVA ESFERA / POLITEC / PROAUTO / TRITEC / SOLFACIL / MODULAR ESTRUTURAS / SOLARIZE

Gostou do Conteúdo, Cadastre-se já e receba todas as notícias de Canal Eólica BR no seu email cadastrado

Compartilhe esta noticia: