Curitiba irá receber a 23ª edição do Fórum Regional de Geração Distribuída

Image

Evento, referência na micro e minigeração de energia, acontecerá entre os dias 16 e 17 de abril

A capital paranaense, Curitiba, irá sediar a 23ª edição do Fórum Regional de Geração Distribuída na região Sul (Fórum GD Sul). O evento, que já é referência no debate sobre a micro e minigeração de energia, acontecerá entre os dias 16 e 17 de abril, na sede da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP).

Segundo o Sistema SIGA, da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), o Brasil conta hoje com 26 GW de potência instalada através da GD, tendo a região Sul como a segunda de maior potencial neste tipo de geração, uma vez que sozinha gera mais de 6 GW.

Organizado pelo Grupo FRG Mídias & Eventos, bem como promovido pela Associação Brasileira de Geração Distribuída (ABGD), o Fórum contará com a participação dos principais players, especialistas do setor e representantes da Academia a fim de debater e solucionar os principais gargalos do setor do país, principalmente na região Sul.

Tiago Fraga, CEO do Grupo FRG Mídias & Eventos, pontua que o evento acontece de forma regional para trabalhar o assunto de forma intensa e expressiva, contudo a experiência vem de players a nível mundial, justamente para enriquecer o conhecimento.

“O evento tem um cunho regional por se tratar o Brasil de um país com condições continentais. Então nós trabalhamos os temas da geração distribuída de energia, principalmente a solar fotovoltaica de forma regional. Então estamos agora no Paraná, em Curitiba, trazendo para cá sim os principais players a nível mundial” explica Fraga.

“São empresas da Alemanha, da China, da Itália, de todo o Brasil. Da cadeia produtiva, os fabricantes, os distribuidores. Então as oportunidades serão grandes em solo paranaense” complementa ele.


Mais sobre o Fórum GD Sul


O Fórum GD Sul já é bem conhecido pelos especialistas do setor, uma vez que vem fazendo história e compartilhando conhecimento há mais de cinco anos. Sua essência visa debater as tendências e os rumos do setor GD no Brasil, principalmente no que se refere a produção de energia limpa pelos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Assim, a programação do Fórum GD Sul é composta de mais de 20 painéis, sendo eles ministrados com diversas palestras de especialistas experientes. Também no final de cada um, um debate geral sobre o assunto acontece a fim de fixar o conhecimento e abrir margem para perguntas e respostas aos participantes.

Vale pontuar que a geração distribuída representa uma abordagem mais flexível e sustentável para a produção de energia, promovendo a transição para um sistema energético mais eficiente e resiliente.

Fraga explica que a geração distribuída, ou seja, geração própria de energia, vem na contramão de todos os modelos oferecidos pelas concessionárias.

“A geração GD é uma geração de energia elétrica no local de consumo ou próximo ao local de consumo. Então com certeza foi a democratização da energia e a possibilidade de gerar a própria energia que trouxe, além de muitos benefícios sustentáveis e ambientais, também o que mais interessa para o consumidor final que é a redução do valor da conta de energia no final do mês” finaliza o especialista.

Dessa forma, o Fórum GD Sul colabora com o networking entre as pessoas, bem como possibilita a troca de informações e experiências.

Dentre os temas debatidos, por exemplo, estarão o novo cenário da GD no Brasil, a influência da legislação como a lei 14.300 e a resolução 1000, técnicas de vendas para alavancar o mercado, bem como capacitação da equipe e sua importância para obter um mercado mais competitivo.


Como se inscrever no evento

Quem deseja se inscrever no Fórum GD Sul ou então acessar a sua programação completa pode acessar o site oficial do evento através do link: https://www.forumgdsul.com.br/site/


Mais informações sobre patrocínios, parceiros e dúvidas em geral também podem ser encaminhadas para o e-mail: contato@grupofrg.com.br ou então para o número: (41)32256693.

Gostou do Conteúdo, Cadastre-se já e receba todas as notícias de Canal Eólica BR no seu email cadastrado

Compartilhe esta noticia: